Guerra dos mundos – H.G.WELLS

postado em: FreeBooks | 0
Compartilhar:
RSS
Follow by Email
Facebook
Facebook
Google+
https://www.kbook.com.br/freebooks/guerra-dos-mundos-h-g-wells
Twitter
SHARE

“Guerra dos mundos” de H.G.Wells fala da invasão do planeta terra, por seres alienígenas com uma tecnologia muito superior à nossa. O mais interessante do livro é ver a visão de Wells de como seriam estes invasores.

O livro foca mais na explicação destes seres que na própria invasão em si. A tecnologia dos marcianos é bem detalhada, relatando sobre os raios da morte e os famosos trípodes, que serviam para a locomoção.

Explica como os corpos dos invasores eram flácidos e não aguentavam a densidade atmosférica da terra.

Tudo é descrito em primeira pessoa por um narrador que não tem o seu nome identificado. Ele é convidado para ir ao observatório de Ottershaw, onde vê a primeira de uma série de explosões na superfície de Marte. Mais tarde, aquilo que se pensa ter sido a queda de um meteoro perto da casa do narrador, acaba por ser um cilindro metálico que se abre e de lá saem os marcianos e então começa a invasão.

 

Mas o que levaria seres de um planeta invadir outro?

Esta foi uma pergunta que tentou ser respondida de várias formas em muitos livros e filmes de ficção científica.

Uma das explicações seria a água, rara em outros planetas, ou minérios.

Mas tanto um quanto outro, não seriam motivos suficientes para atacar uma civilização desenvolvida que poderia revidar este ataque.

Em a “Guerra dos mundos”, os marcianos invadiram a terra para sugar o sangue dos animais, incluindo nós. O que seria no mínimo estranho, não haveria comida suficiente e marte? E esta dieta inusitada, foi o fim deles.

No final as bactérias no sangue se encarregaram de matar todos os marcianos.

H.G.Wells, ele estava obcecado pelas histórias de marte. No século XIX não se tinha muitas informações sobre o planeta vermelho.

O livro foi publicado em 1898, vinte anos antes os canais de marte foram descobertos e até muito recente se acreditava que haviam sido feitos por uma inteligência como a nossa.

 

Vida em marte

Talvez, se houvesse vida em marte, a nossa própria existência seria um motivo razoável para uma invasão.

Imagine uma civilização vendo outra crescendo ao seu lado, crescendo tanto que um dia poderiam se tornar conquistadores implacáveis.

Neste caso, a opção mais sensata seria invadir enquanto eles ainda tivessem alguma vantagem tecnológica.

Este poderia ser o enredo de H.G.Wells, mas não é algo que prejudique a qualidade do livro.

Abaixo você pode baixar o livro e tirar suas próprias conclusões. Divirta-se!

É só clicar, baixar e ler!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *