Compartilhar:
RSS
Follow by Email
Facebook
Facebook
Google+
http://www.kbook.com.br/portfolio/segundo-segundo
Twitter
SHARE

Tic. Puxo ar engrenado. Incluo. Insiro. Registro. Vivo um segundo de cada vez. Construo uma rotina em teias desenhadas em dias repetidos. Cópias de cópias, de cópias. Não penso para falar, falo o que já foi dito e dito. Cópias sonoras de rotinas de rotinas de rotinas. Visto o sapato e não amarro. Os nós já estão lá comendo as meias, que repetidas são pares perfeitos da igualdade comunitária. Vivo eternamente. Um tempo infinito. E o ar foge esganado. Tac.

Deixe uma resposta